Logomarca IETEC

Buscar no TecHoje

Preencha o campo abaixo para realizar sua busca

:: Gestão e Tecn. da Informação

A Inovação da TI será fundamental para transformar a crise econômica em oportunidade

John Rizzuto, Betsy Burton, do Gartner
InfoCorporate

Nem todas as empresas serão igualmente afetadas pela crise financeira. Investimentos continuados em TI são fundamentais para todas as empresas, desde aquelas que têm o objetivo de se manter até as que querem adquirir competitividade. A inevitável recuperação proporcionará tantas oportunidades quantos são os riscos gerados pela crise.

DESCOBERTAS
A inovação é crucial na medida em que passamos da gestão da crise no curto prazo para a recuperação. A TI é a pedra fundamental da criação de riqueza nas economias modernas: as empresas e as agências governamentais devem acelerar os investimentos em TI para continuarem a ser competitivas e retornar à prosperidade. Durante o período intermediário e no longo prazo, a TI se tornará menos discricionária, e os orçamentos de TI tomarão uma parte maior das despesas gerais da empresa.

ANÁLISE
Embora a vantagem na manufatura tenha ido para os produtores de baixo custo em outros países, os EUA continuam a dominar nas indústrias impulsionadas por capital intelectual, tais como tecnologia médica, farmacêutica, e tecnologia da informação. A transição dos produtos tangíveis para as indústrias que fazem uso intensivo de design e pesquisas requer uma alavancagem contínua da propriedade intelectual dos EUA para a criação de riqueza. As pesquisas e o design fazem uso intensivo de dados. A TI é crítica não somente para se monitorar, analisar e armazenar dados; A TI é também fundamental para transformar dados em informações úteis.

Uma vez que as informações tenham sido criadas, é fundamental que se tornem acessíveis. A Gartner acredita que as regulamentações que surgiram a partir da legislação Sarbanes-Oxley serão quase nada se comparadas à próxima fase de regulamentações decorrentes da atual crise financeira. O impacto se estenderá para todas as empresas, na medida em que agências de crédito e órgãos reguladores requeiram uma maior transparência. Os requisitos para uma maior transparência acelerarão a demanda por sistemas em tempo real, a integração de dados, e a acessibilidade das informações. No curto prazo, muitos desses requisitos poderão ser abordados de forma tática, mas no mais longo prazo, será necessário acelerar os planos de modernização para a infra-estrutura de TI.

O QUE VOCÊ PRECISA SABER

• Foque o refinamento de seus negócios e de sua estratégia de TI, assim como a arquitetura corporativa. Esses esforços serão não apenas benéficos para satisfazer as novas regulamentações, mas também oferecerão a oportunidade de administrar sua empresa de forma mais eficaz e eficiente e aumentar suas vantagens competitivas.

• Encoraje e apóie seu pessoal. Cada vez mais, pessoas trabalhando juntas e apoiadas por tecnologias serão os mecanismos da inovação. Para estimular a inovação, os líderes devem antecipar as preocupações junto aos seus fornecedores, parceiros e compradores.

• Compreenda que os investimentos em tecnologia no longo prazo serão mais importantes do que nunca. O choque do sistema financeiro permanecerá por muitos anos, e na medida em que a recuperação retome seu passo, muitas empresas usarão a crise como uma oportunidade. As empresas mais fortes serão capazes de adquirir ativos mais baratos e lutarão para conquistar participação no mercado à custa dos concorrentes mais fracos, enquanto outras empresas terão simplesmente que focar na manutenção da sua competitividade.

• Não ignore as necessidades de mais longo prazo que serão cruciais para manter a eficiência e a eficácia corporativa. Enquanto foca os estresses que as atuais condições macroeconômicas trazem para os negócios, planeje a aceleração da modernização das infra-estruturas de TI e promova fundamentos centrados nas informações.

• Continue a enfatizar o planejamento no período intermediário e no longo prazo para continuar à frente em termos de competitividade enquanto a atual crise se desfaz. Atrasar ou ignorar o planejamento de longo prazo devido a pressões de curto prazo levará à uma situação de desvantagem, colocando as empresas na nada invejável posição de ter que correr atrás depois.

• Finalmente, ao avaliar o corte de custos, mire as áreas nas quais uma redução de funcionalidade agora possa eliminar as restrições dos aplicativos/dispositivos legados. Assim, você poderá preparar os sistemas para o crescimento quando a economia se recuperar.
 

Indique este artigo a um amigo

Indique o artigo